Autores internacionais Livros Stephen King

Depois, Stephen King

Se você é daqueles que ainda tem receio/medo de ler Stephen King, que acha que terror não é para você, “Depois” é uma ótima opção para te provar o contrário.

O enredo é simples: Jamie Conklin é uma criança que vê gente morta.

É uma realidade bem assustadora, mas ele e sua mãe tentam viver uma vida normal em meio a tudo isso.

Mas a vida aperta e os problemas com dinheiro aparecem. A mãe de Jamie , que é editora de livros na empresa do irmão, ( e eu adoro quando King coloca personagens da indústria em seus livros) acaba usado o dom do filho para benefício próprio, o que coloca o garoto no radar de gente inescrupulosa, e vai jogá-lo bem no meio de uma grande investigação policial fracassada. A situação vai escalar para horizontes não imaginados, e Jamie vai ser forçado a encarar o sobrenatural em meio a um período ainda mais assustador da vida : a pré adolescência.

Capa e poster, cortesia da editora, foto autoral

” “Deve ser tão estranho isso que você faz. Tão Bizarro. Não te deixa morrendo de medo?”

Pensei em perguntar se ela sentia medo de olhar para a noite e ver as estrelas e saber que elas continuam para a toda a eternidade, mas nem me dei a esse trabalho. Só falei que não. A gente se acostuma com as coisas extraordinárias, aceita como normais. Podemos até tentar não nos acostumar, mas é o que acontece. Tem tanta coisa extraordinária demais no mundo, só isso. Em toda parte. “

Um terror bem leve com um boa pitada de sobrenatural, “Depois” é um livro tranquilo no quesito susto, com uma trama legal e bom desenvolvimento de personagens, o que considero muito relevante em um livro tão curtinho.

Se tem um coisa em que King nunca erra, na minha opinião , é nos seus personagens juvenis. Jamie Conklin, narrador e personagem principal dessa história, só confirma essa questão – ele é supreendentemente maduro para sua idade, mas sem perder a graça e o vigor das descobertas. Seu crescimento na história foi o que mais me chamou atenção. Em determinado momento, um Jamie mais velho reflete sobre sua própria história, e diz :

“… vinte e dois anos fica a anos-luz de treze. Sei mais agora, mas acredito em menos coisas.”

Achei esse quote puro Stephen King.

Jamie é um bom narrador, e nos direciona muito bem na história da sua vida. A trama é simples, e a maior parte do livro está mais pra suspense investigativo do que para terror, o que surpreendeu muitos leitores. No entanto, fã de King vão se sentir em casa – “Depois” uma pegada que segue uma linha estilo romance policial que o autor tem se dedicado recentemente. Também senti aqui e ali uma vibe dos livros antigos do autor, e acho que essa combinação é capaz de agradar muitos estilos de leitores iniciantes na jornada bibliográfica dele.

O livro é curto, oferece uma boa história e um personagem memorável.

“Depois” é o meu livro numero 44 do King, dá pra acreditar? Nem eu !

E como eu sempre digo, tem King pra todos os gostos por aí. Se você estiver procurando algo que se encaixe nos seus gostos, pode perguntar que eu te recomendo nos comentários.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments